TT GP #100 | O que Le Mans mostra para a Ferrari. Audi já sofre na F1

Na centésima edição, o TT GP fala do que o sucesso da Ferrari em Le Mans mostra para a equipe da Fórmula 1. Além disso, o sofrimento da Audi

Nem bem começou sua jornada na Fórmula 1 e a Audi já sofre com atrasos na concepção do seu projeto. Ao menos é o que garante o portal italiano Formu1a.uno. E mais: garantiu que a montadora alemã já está atrás da concorrência em tempo que gira em torno de seis a oito meses. Um dos principais trunfos para recuperar o tempo junto aos adversários é o fato de ser considerada uma nova fornecedora, o que permitirá à equipe gastar US$ 10 milhões (cerca de R$ 48,5 milhões na cotação atual) a mais do que suas rivais em 2023 e 2024. Ainda que conte com esta benesse, a Audi terá problemas à vista mesmo estreando apenas em 2026? O TT GP debate.

A Ferrari venceu. Mas não foi na F1 e, sim, nas 24 Horas de Le Mans, encerrando um jejum que durava 58 anos sem triunfar na principal prova do endurance mundial. Mas o que a glória obtida pelo trio James Calado, Alessandro Pier Guidi e Antonio Giovinazzi pode ensinar para que a equipe italiana retome o caminho das vitórias na Fórmula 1? É o que o programa também vai discutir.

Relacionadas

Pedro Henrique Marum apresenta o TT GP e conta com os comentários de João Pedro Nascimento e Guilherme Bloisi, bem como a produção de Rodrigo Berton.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!