AlphaTauri se diz "sem pressa" e põe em dúvida retorno de Ricciardo no GP do Catar

Daniel Ricciardo segue sem data certa para voltar à ativa após ter se lesionado em forte acidente no GP da Holanda e, desta vez, é a presença do australiano no GP do Catar que fica em como dúvida

Daniel Ricciardo já é dúvida para mais uma corrida na temporada 2023 da F1. O australiano, que tinha retorno esperado para o GP do Japão, agora não sabe mais nem se estará no GP do Catar, que acontece daqui duas semanas. Foi o que a AlphaTauri contou nesta sexta-feira (22), na etapa de Suzuka.

A expectativa é que Daniel, que bateu forte nos treinos livres do GP da Holanda aos poucos, migre para o trabalho no simulador e, só então, consiga a liberação para voltar à pista. Mas, segundo a AlphaTauri, isso pode levar mais tempo do que a última previsão, o que faria Liam Lawson seguir como companheiro de Yuki Tsunoda.

Relacionadas

"Ricciardo ainda está passando por todo processo de recuperação. Ainda vai demorar um pouco, não queremos colocar um prazo para volta dele. A recuperação está indo bem, temos trabalho de simulador com ele previsto antes disso. Não há pressa das duas partes para que ele volte tão rápido, a pior coisa é voltar sem estar realmente curado e isso causar problemas. Vamos respeitar o tempo", disse Jonathan Eddolls, chefe de engenharia de pista da AlphaTauri.

Daniel Ricciardo se lesionou em acidente na Holanda (Foto: Red Bull Content Pool)

De acordo com o engenheiro, Ricciardo é quem mais vai ditar o ritmo do retorno, mas desde que esteja 100% recuperado, sem nenhum tipo de dor que possa comprometer futuramente.

"O simulador é uma ótima representação do carro, dos processos. Mas acho que a decisão final de voltar deve vir mais dele do que nossa. Ele vai saber melhor que todo mundo como está a dor e a recuperação, não vamos pressioná-lo para voltar, temos três bons pilotos, sem pressão. O foco é na recuperação completa", seguiu.

Eddolls, porém, ao falar de Lawson deixou ainda mais evidente a chance que o neozelandês tem de adicionar a etapa do Catar no cronograma. E o time está satisfeito com o que o novato vem fazendo.

"Lawson pegou o jeito muito, muito rápido. Yuki ainda é mais rápido do que ele, mas isso é totalmente esperado pela experiência. Só que o fato dele ter ido ao Q3 e já pontuado com um carro que não é o mais competitivo, isso mostra que ele tem potencial. Estamos animados para trabalhar com ele por mais corridas, enquanto Daniel se recupera", completou.

Ricciardo fez só duas corridas em 2023, sem pontos, antes de se machucar nos treinos livres do GP da Holanda. Em três provas disputadas, Lawson já anotou 2 pontinhos e teve como pior resultado um 13º lugar, mesma posição que Daniel conquistou na Hungria. Ricciardo foi 16º na Bélgica.

GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades da temporada 2023 AO VIVO e EM TEMPO REAL.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!