Alfa Romeo já mira 7º lugar da F1 após executar "corrida perfeita" no GP do Catar

Após um trabalho perfeito durante o GP do Catar, Alfa Romeo ganhou confiança na disputa e espera superar a Williams na briga no Mundial de Construtores

Sem resultados expressivos ao longo de 2023 e tendo pontuado pela última vez apenas no GP da Itália, a Alfa Romeo despertou durante o GP do Catar e se colocou novamente na briga pelo sétimo lugar no Mundial de Construtores. O time viu Valtteri Bottas e o Guanyu Zhou ficarem em oitavo e nono, respectivamente, após uma corrida descrita por Alessandro Alunni Bravi, representante da equipe, como “perfeita”.

Depois de uma estratégia assertiva ao parar Bottas na última volta do primeiro safety-car, e ver Zhou fazer uma corrida de recuperação para sair de 19º e fechar em nono, a Alfa Romeo conseguiu, pela primeira vez em 2023, terminar uma corrida com os dois carros no top-10.

Relacionadas

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

A Alfa Romeo somou seis pontos no Catar (Foto: AFP)

“Conseguimos realizar a corrida que almejamos há muito tempo. Sabíamos que tínhamos potencial para marcar pontos, mas tínhamos de executar a corrida perfeita para trazer este resultado para casa. Os pit-stops foram impecáveis ​​e os pilotos tiveram duas performances sólidas, avançando da primeira à última volta sem erros”, elogiou Bravi.

“É uma bela recompensa por todo o trabalho realizado pela equipe em Hinwil, nossa equipe de corrida aqui e a Ferrari. Continuamos trazendo novas atualizações para a pista, ao mesmo tempo que continuamos incansavelmente, na fábrica, no simulador e na pista, para compreender e extrair desempenho do nosso pacote em evolução”, seguiu o representante.

A façanha, que rendeu seis pontos no Mundial de Construtores, colocou o time de Hinwil de volta na briga com a Williams pelo sétimo lugar. Por isso, Bravi segue acreditando que a Alfa Romeo pode ganhar ao menos mais uma posição na tabela.

“O resultado desta noite aumenta a nossa confiança e reforça a nossa crença de que podemos marcar pontos em qualquer corrida se fizermos nosso trabalho como fizemos hoje. Agora, precisamos dar mais um passo em frente e construir sobre as bases que lançamos esta noite para continuar crescendo como equipe até o final da temporada. Nosso objetivo continua sendo o sétimo lugar no campeonato, nunca deixaremos de reiterar isso. Será difícil, será uma luta, mas temos as pessoas, os pilotos e o empenho que precisamos para isso. Será difícil, claro, mas também tornaremos as coisas difíceis para os nossos concorrentes”, finalizou.

Faltando cinco corridas para o fim da temporada, a Alfa Romeo está na oitava posição no Mundial de Construtores. A diferença para a Williams é de apenas sete pontos.

Fórmula 1 volta daqui a duas semanas, entre os dias 20 e 22 de outubro, em Austin, com o GP dos Estados Unidos, o primeiro da última perna tripla da temporada. E o GRANDE PRÊMIO acompanha tudo.

https://youtube.com/watch?v=2NAi4Q_1pI0%3Fsi%3DTbk9nSEX5ksBAO0J