MotoGP debate alteração de formato para reduzir pressão na sexta-feira

Meses após alterar o formado da MotoGP, o Mundial de Motovelocidade busca uma alternativa para reduzir a pressão em cima dos pilotos na sexta-feira. Proposta de devolver status de livre ao primeiro treino do fim de semana não conseguiu aprovação unânime e, por isso, só poderia entrar em vigor em 2024

A MotoGP já está debatendo uma alternativa para reduzir a pressão em cima dos pilotos nos treinos de sexta-feira. A negociação vem meses após a maior mudança de formato na história da classe rainha do Mundial de Motovelocidade.

A partir de 2023, com a introdução das corridas sprint, a sexta-feira ganhou peso no fim de semana, já que os resultados dos dois treinos do dia são combinados para dividir os pilotos que vão direto ao Q2 e os que terão de passar pelo Q1 da classificação. Como consequência, os competidores passaram a forçar muito mais desde a primeira sessão, o que resultou em muitas quedas.

MotoGP pensa em uma pequena mudança de formato na sexta-feira (Foto: VR46)

Relacionadas

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Na quinta-feira (22), os envolvidos na MotoGP participaram de uma reunião extraordinária, que defendeu a proposta de transformar o treino da manhã de sexta em livre, deixando apenas a sessão da tarde para fazer a divisão da classificação. Inicialmente, a mudança poderia ser implementada já neste ano.

No entanto, não houve unanimidade dentro da MSMA (Associação das Fábricas de Motocicletas Esportivas), o que fez com que a proposta fosse adiada para 2024.

Miguel Oliveira foi um dos que falou sobre a proposta de mudança e mostrou estar de acordo com a alternativa.

“Pelo menos nós teríamos a [manhã de] sexta meio livre para tentar algo novo, se você tem peças ou um acerto”, disse Oliveira. “Sim, eu seria favorável em não ter a pré-classificação de Q1 e Q2 direto [na manhã de sexta]”, contou.

“Mas, de qualquer forma, temos de nos adaptar. [Qualquer que seja] o formato, temos de lidar com ele da melhor forma que pudermos. É o nosso trabalho”, encerrou.

MotoGP volta à pista às 10h (de Brasília) para o segundo treino do GP da Holanda. O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do Mundial e Motovelocidade 2023.

Por que Marc Márquez cai tanto na MotoGP?