Álex diz que aconselhou Marc Márquez como irmão: “Sei o que ele passou desde 2020”

Sabendo das dificuldades do irmão, Álex Márquez aconselhou Marc a deixar as garagens da Honda para pilotar uma moto da Ducati na temporada 2024 da MotoGP

O esperado anúncio de que Marc Márquez correria pela Gresini em 2024 foi confirmado nesta quinta-feira (12), e Álex, irmão mais novo do #93, foi um dos responsáveis para fazer isso acontecer. Depois de ver o hexacampeão enfrentar inúmeras dificuldades com a Honda, que envolveram falta de ritmo, quedas e lesões, o #73 admitiu que o aconselhou a mudar de ambiente para pilotar uma moto da Ducati.

“Sim, será interessante vê-lo numa Ducati. Eu esperava um companheiro de equipe mais rápido, mas não tão rápido assim. Vai ser divertido e estou muito feliz pela equipe. Eles realmente merecem ter um piloto como ele. Também para Marc porque ele merece voltar a desfrutar da sua pilotagem”, disse Álex.

Relacionadas

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

MotoGP-2023-Indonesia-Mandalika-Gresini-Marc-Marquez-1024x717.jpeg" alt="" class="wp-image-739626" />
Marc Márquez vai correr com a Gresini no próximo ano (Foto: Gresini)

Em 2020, Marc Márquez fraturou o úmero do braço direito depois de uma queda na curva 3 de Jerez. Depois de passar por uma cirurgia, o piloto tentou correr no fim de semana seguinte, mas desistiu. Passados 13 dias, precisou passar por uma nova operação após danificar a placa de titânio por conta do estresse no local da lesão.

Ao todo, o #93 passou por quatro cirurgias no braço direito. Em 2023, se envolveu em outro acidente com Miguel Oliveira na etapa em Portugal. Por conta da forte queda, o então piloto da Honda foi imediatamente levado para Barcelona com suspeita de fratura. Após exames mais detalhados, Marc foi diagnosticado com fratura no primeiro metacarpo da mão direita e precisou passar por cirurgia.

Diante de tantas quedas e dificuldades, Álex sugeriu que uma troca de ambiente poderia ser benéfica para sua carreira.

“Não direi que ele não me perguntou a minha opinião, mas o aconselhei como irmão, não como piloto ou como piloto da Gresini, porque sei o que ele viveu desde 2020, e ele está sofrendo bastante com sua situação até agora, então é hora de ele fazer uma mudança. Essa decisão é dele e para mim é positiva porque terei um companheiro de equipe muito rápido e podemos aprender muito com essa situação", seguiu o mais novo dos irmãos Márquez

"É muito cedo para dizer [se vai ganhar corridas]. Normalmente vimos no passado que quando os pilotos da Honda chegam à Ducati, acham muito fácil adaptar-se a essa moto. Foi também, no meu caso, mas ele tem rodado na mesma moto nos últimos onze anos, então com certeza teremos muitas coisas que ele terá de mudar. Mas sim, ele tem um talento incrível. Ele será rápido desde os primeiros momentos”, finalizou.

https://youtube.com/watch?v=YJSEEiZMdvo%3Fsi%3DrHiuYzTTnuLlzRFs