Di Grassi prevê "corrida estratégica" e economia de energia "diferente" em Portland

O piloto da Mahindra quer espantar a má fase na temporada da Fórmula E e exalta a história dos brasileiros em Portland

Brasil e Portland têm uma relação histórica bastante importante no automobilismo. Emerson Fittipaldi, Gil de Ferran e Cristiano da Matta são alguns dos pilotos que venceram na pista norte-americana. E Lucas Di Grassi espera se colocar nesta seleta lista no próximo sábado (24).

A expectativa do piloto da Mahindra para a 12ª etapa da temporada 2023 é alta, afinal, o circuito está distante do habitual na Fórmula E. "É muito interessante saber que, nós, brasileiros, temos essa história aqui em Portland, Uma pista de alta velocidade, que requer um nível de administração de energia muito intenso. Vai ser uma corrida bem estratégica e interessante", falou.

Relacionadas

Portland não está na lista das pistas permanentes da categoria elétrica. O que não chega a ser uma grande questão para o brasileiro. Embora o jeito de guiar muda bastante para os pilotos. "O set-up do carro é diferente, pois as curvas são de mais alta velocidade, a tração e frenagem precisam ser combinadas. Assim, muda-se bastante para conseguir otimizar o tempo de volta aqui em Portland".

Di Grassi vê os EUA como fundamental para o desenvolvimento da categoria (Foto: Fórmula E)

O mercado norte-americano, na visão de Lucas, é essencial para a categoria e essa aproximação com o país só vai ajudar no desenvolvimento da Fórmula E.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

"Depois de tantos anos em Nova York, estivemos em Long Beach e Miami também, sabe-se que o mercado, nos Estados Unidos, é muito interessante, que vem em crescimento. Temos que aproveitar esse momento e espero que adicionemos outras provas por aqui no futuro", completou.

GRANDE PRÊMIO, emissora oficial da Fórmula E no Brasil, vai transmitir todas as atividades de pista AO VIVO e com imagens diretamente do YouTube e do aplicativo Kwai. A transmissão nesta sexta-feira (23), abre pouco antes do início da sessão, às 20h55. Matheus Pinheiro comanda a narração, com comentários de JP Nascimento Pedro Henrique Marum, além da produção de Rodrigo Berton em conjunto com a LiveSports.