Ramos voa em formato diferente da classificação e crava pole da Stock Car em Goiânia

O #30 da Ipiranga Racing foi o único a andar abaixo da casa dos 50s e vai largar na frente pela quarta vez na carreira na Stock Car. Líder do campeonato, Thiago Camilo sai em sexto.

César Ramos é o pole-position da rodada dupla da Stock Car no anel externo em Goiânia. Neste sábado (26), o piloto da Ipiranga Racing cravou 49s995 e conquistou a quarta pole em sua carreira. Ao seu lado, Lucas Foresti surpreendeu e vai dividir a primeira fila no Autódromo Internacional Ayrton Senna.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Relacionadas

No domingo (27), a rodada dupla goiana tem a corrida 1 marcada para às 13h40 e a prova 600 às 14h20 (todas no horário de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades da Stock Car com cobertura completa, que terá transmissão AO VIVO nos canais Band e Sportv 2, além do canal oficial da categoria e do canal GB, de Galvão Bueno, no Youtube e pelo canal do Gaules na Twitch.

Saiba como foi a classificação da Stock Car em Goiânia:

O dia no Autódromo Internacional Ayrton Senna entardeceu com 28º C de temperatura, enquanto a pista chegava aos 39º C. E o formato da classificação era diferente, com apenas o Q1 e os pilotos divididos em grupos de três, com os líderes vindo na frente separados por 15s de distância.

Thiago Camilo foi o primeiro a ir para a pista, na sequência viria Daniel Serra e, depois, Gabriel Casagrande, que liderou as duas atividades da Stock Car até aqui. O piloto da A. Mattheis Vogel cravou 50s181 e era o mais rápido, com o líder do campeonato na sequência, 50s240.

O segundo grupo tinha Ricardo Zonta, Rafael Suzuki e Rubens Barrichello. O atual campeão da categoria não teve uma boa jornada e superou apenas Serra, com 50s331. Enquanto isso, o #10 da RCM Motorsport se aproximou bem do líder da sessão, mas não o ultrapassou, 50s226.

Barrichello não teve uma boa performance na classificação em Goiânia (Foto: Duda Bairros)

O terceiro pelotão tinha César Ramos, Matías Rossi e Guilherme Salas. E, pela primeira vez no fim de semana, um piloto andou abaixo da casa dos 50s. E foi o #30 da Ipiranga Racing, que assumiu a pole provisória com 49s995.

Felipe Baptista, Felipe Fraga e Gianluca Petecof formaram o quarto grupo que foi à pista na tentativa de superar o tempo de Ramos. O #88 da Blau Motorsport foi o que teve melhor desempenho, encaixando-se entre os sete primeiros, com 50s336.

Nelsinho Piquet, Allam Khodair e o tricampeão Ricardo Maurício eram o grupo 5. O piloto da Crown Racing fez uma grande tomada de tempos, colocando-se na segunda posição com 50s159, tirando Gabriel da primeira fila no anel externo.

Felipe Fraga se encaixou entre os sete primeiros na sua passagem (Foto: Marcelo Machado de Melo)

O sexto grupo tinha Gaetano Di Mauro, Bruno Baptista e Felipe Massa. O jovem da Hot Car segue em uma crescente na temporada e acertou uma bela volta, com 50s259 e encaixando-se na sexta posição. O piloto da Lubrax Podium/TMG, por sua vez, não rendeu bem e estacionou na 17ª colocação.

No grupo 7, Dudu Barrichello, Júlio Campos e Lucas Foresti. O filho de Rubens veio de grande performance no TL2, em que foi sexto lugar. Mas foi o #12 da A. Mattheis Vogel quem surpreendeu e assumiu a segunda posição, com 50s050, 0s055 atrás do ainda líder, César.

O oitavo grupo tinha Marcos Gomes, Denis Navarro e o pentacampeão Cacá Bueno. O carro #5 da Cavaleiro Sports foi quem teve o melhor desempenho, ficando na 15ª posição.

Lucas Foresti voou e tomou o segundo lugar de Nelsinho em Goiânia (Foto: Duda Bairros)

Sergio Jimenez, Átila Abreu e Lucas Kohl formavam o antepenúltimo grupo a ir para pista. Ramos seguia torcendo para seu tempo não ser superado. O #73 provou que estava em fase ascendente na temporada e cravou 50s270, posicionando-se em oitavo.

O grupo 10 tinha Tony Kanaan, Rodrigo Baptista e Enzo Elias, que não foram bem e vão largar das últimas posições. Raphael Teixeira viria solitário na última passagem, mas nada que assustasse César Ramos, que vai largar da posição de honra pela quarta vez na carreira da Stock Car.