Preece passa noite em hospital após violento acidente durante etapa da Nascar em Daytona

Ryan Preece passou a noite no hospital de Daytona em observação após capotar mais de dez vezes durante a corrida da Nascar, realizada na noite de sábado (26)

Ryan Preece e as mais de dez capotadas após o acidente na Nascar, em Daytona (Vídeo: reprodução/Nascar)

Ryan Preece precisou ser hospitalizado após o impressionante acidente sofrido durante a etapa da Nascar no circuito de Daytona, na noite de sábado (26). O piloto da Stewart-Haas capotou inúmeras vezes com seu Ford #41 após ser acertado pelo Chevrolet #43 de Erik Jones e bater no companheiro de equipe, Chase Briscoe.

O acidente aconteceu no giro 156 de 160 programados. Ao todo, foram mais de dez capotadas no ar. O carro chegou a quicar no chão e ainda continuou girando até enfim parar, completamente destruído. Imediatamente, equipes de segurança chegaram ao local e levaram um tempo até remover o piloto do veículo. Preece, então, foi levado ao centro médico de Daytona para, depois, ser transferido ao Halifax Medical Center, hospital próximo ao Daytona Motor Speedway.

Relacionadas

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

O carro destruído de Ryan Preece após o acidente em Daytona (Foto: reprodução/Nascar)

O vice-presidente de competição da Stewart-Haas, Greg Zipadelli, reportou à imprensa que Preece estava "consciente, mas abalado". Na madrugada de domingo, a equipe emitiu nota oficial atualizando o estado de saúde do piloto: "Ryan Preece ficará em observação no Halifax Medical Center durante a noite. O piloto do Ford Mustang #41 da Stewart-Haas está acordado, consciente, movimentando-se e conversando com familiares e amigos."

"Preece será submetido a outro exame pela equipe médica pela manhã. Mais informações serão dadas à tarde", concluiu o texto da nota.

Pelas redes sociais, o próprio Ryan tratou de tranquilizar os torcedores: "Se quiser ser um piloto de corridas, é melhor ser um cara durão. Estou voltando!", prometeu.

Por conta do acidente, o veterano de 32 anos perdeu a última chance de buscar uma vaga nos playoffs da temporada 2023. A vitória da etapa ficou com Chris Buescher, com Buba Wallace garantindo lugar nos playoffs.