Evans lidera dia marcado por fogo nos testes de pré-temporada da Fórmula E em Valência

Em que acabou tendo somente metade do tempo de pista desejado, Mitch Evans colocou a Jaguar no topo da tabela e liderou a primeira atividade voltada para 2024

A Fórmula E finalmente tomou a pista para a primeira atividade oficial e coletiva visando a temporada 2024. Os testes de pré-temporada abriram nesta terça-feira (24), no Circuito Ricardo Tormo, em Valência, na Espanha. Mitch Evans foi o mais rápido do turno da manhã, enquanto a sessão vespertina foi cancelada após um incêndio no horário de almoço.

A programação do dia tomou uma baita pancada com o cancelamento. O que aconteceu foi que, bem no meio do período de almoço, cerca de uma hora antes os testes da tarde começarem, um incêndio ganhou corpo nos boxes, na parte da garagem da Williams Advanced Engineering, fornecedora única de baterias.

Relacionadas

De imediato, Fórmula E e FIA evacuaram a área do pit-lane e garagens — houve até uma confusão na Mahindra, que tinha carro na pista no momento para fazer imagens promocionais. Após pouco mais de uma hora, a categoria divulgou em comunicado que o incêndio fora contido e que uma pessoa foi avaliada por médicos e mandada para um hospital nas redondezas, mas somente para checagens de precaução. Entretanto, resolveu encerrar o dia de testes enquanto investiga as causas do incêndio.

Antes disso, o turno da manhã transcorreu normalmente. Como há obrigação que as equipes cedam o carro para pilotos novatos, que nunca disputaram corridas com o carro da Fórmula E por dois turnos — resta saber como isso ficará com uma sessão a menos — nem todos os titulares foram ao traçado.

Mitch Evans foi o mais rápido do primeiro dia de testes da Fórmula E 2024 (Foto: LAT/Fórmula E)

Vários reservas andaram, inclusive: Taylor Barnard, na vaga de Sam Bird, na McLaren; Robert Shartzman, na de Stoffel Vandoorne, na DS Penske; Victor Martins e Luca Ghiotto, nas de Sacha Fenestraz e Oliver Rowland, respectivamente, na Nissan; e Zane Maloney, no lugar do campeão Jake Dennis, na Andretti.

A tabela de tempos mostrou um top-3 muito parecido ao que foi visto no ano passado, ao menos em termos de equipes. Evans colocou a Jaguar na ponta ao cravar 1min24s474, enquanto António Félix da Costa foi somente 0s143 mais lento com a Porsche. Em terceiro, Sébastien Buemi ficou grudado em Da Costa e 0s167 mais lento que o líder, com a Envision. A volta da liderança para Evans veio já com o cronômetro zerado.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Taylor Barnard foi de longe o melhor novato reserva do dia (Foto: LAT/Fórmula E)

Edoardo Mortara fez a Mahindra entrar na quarta colocação na primeira atividade oficial pelo time indiano, seguido por Pascal Wehrlein e Maximilian Günther, que seguem em Porsche e Maserati, respectivamente. Barnard foi o único novato, de McLaren, ao andar no top-10. Nico Müller e Sérgio Sette Câmara, respectivamente de Abt Cupra e ERT, e o vice-campeão Nick Cassidy, na estreia com a Jaguar, fecharam o top-10. Lucas Di Grassi, de volta à Abt, foi 12º.

Importante destacar a proximidade do pelotão. Os sete primeiros colocados ficaram no mesmo 0s5, enquanto os 15 primeiros terminaram separados por menos de 1s. Dos sete pilotos que ficaram atrás disso, quatro foram reservas. O último colocado foi Nyck de Vries, que, apesar de titular, nunca esteve nos carros GEN3 da Fórmula 3 de maneira oficial até a pré-temporada.

A sessão de três horas de duração contou somente com uma bandeira vermelha, causada por Schwartzman, quando parou o carro da DS Penske na pista. Elemento bastante comum em testes coletivos. Schwartzman, que é russo e corre sob a bandeira de Israel desde o começo da guerra na Ucrânia, acabou o turno com 28 voltas e foi quem menos andou.

A ERT, antiga NIO, faz recarga rápida no carro de Dan Ticktum (Foto: LAT/Fórmula E)

No que diz respeito ao fator quilometragem, quem mandou andou no dia foram os reservas Barnard e Ghiotto, ambos com 53 voltas. Hughes e Martins, com 52, foram os outros a superaram a marca de meia centena de giros dados. Os quatro têm algo em comum: ocupavam os carros de Nissan e McLaren e, portanto, todos com o motor da fábrica japonesa. Importante destacar que o teste também contou com o uso do fast charging, equipamento de recarga rápida nas baterias que a Fórmula E pretende fazer estrear em 2024 e servirá com uma espécie de reabastecimento em corridas tradicionais.

Por enquanto, a sequência dos testes de pré-temporada continua marcada para a manhã da quarta-feira, dia 25. Caso nada mude, haverão uma sessão de manhã e outra à tarde no horário local, ainda fim da manhã no Brasil, da mesma forma que na quinta-feira.

Fórmula E 2024, Valência, Pré-temporada, Dia 1:

1M EVANSJaguar1:24.474 46
2A.F DA COSTAPorsche1:24.617+0.14349
3S BUEMIEnvision1:24.641+0.16748
4E MORTARAMahindra1:24.701+0.22741
5P WEHRLEINPorsche1:24.754+0.28045
6M GÜNTHERMaserati1:24.764+0.29035
7T BARNARDMcLaren1:24.929+0.45553
8N MÜLLERAbt Cupra1:25.255+0.78148
9S. SETTE CÂMARAERT1:25.286+0.81238
10N CASSIDYJaguar1:25.319+0.84538
11N NATOAndretti1:25.322+0.84839
12L DI GRASSIAbt Cupra1:25.347+0.87349
13J DARUVALAMaserati1:25.374+0.90045
14J.E VERGNEDS Penske1:25.426+0.95242
15R FRIJNSEnvision1:25.461+0.98741
16D TICKTUMERT1:25.557+1.08341
17R SHWARTZMANDS Penske1:25.561+1.08728
18J HUGHESMcLaren1:25.668+1.19452
19V MARTINSNissan1:25.782+1.30852
20L GHIOTTONissan1:25.862+1.38853
21Z MALONEYAndretti1:26.080+1.60646
22N DE VRIESMahindra1:26.385+1.91143
SARGEANT SE SALVOU? Como ponto MILAGROSO nos EUA pode convencer Williams na F1? | Paddock VIP #5