Williams se transforma e até Red Bull muda: as atualizações dos times no GP do Canadá

GP do Canadá será palco de muitas atualizações na Fórmula 1. Entre um carro transformado pela Williams e algumas mudanças na Red Bull, Ferrari é a única a chegar sem alterações

A disputa do GP do Canadá já se aproxima, com o TL1 previsto para iniciar as atividades do fim de semana ainda nesta sexta-feira (16), e as equipes levam a Montreal uma quantidade massiva de atualizações buscando uma subida de rendimento. Dos dez times do grid, apenas a Ferrari ficou de fora da lista — vale lembrar que a escuderia italiana levou melhorias à última etapa, na Espanha.

A Red Bull, líder avassaladora do campeonato, não ficou parada e levou uma atualização na asa dianteira. A Mercedes, buscando evoluir o novo conceito do W14, tenta reduzir o arrasto aerodinâmico com uma alteração em uma das aletas externas do sidepod.

Relacionadas

A Alpine, por sua vez, mudou um pouco mais. O time de Esteban Ocon e Pierre Gasly chega ao Canadá com melhorias na asa e suspensão traseiras, além de mudanças nos tambores dos freios dianteiros. Enquanto as duas primeiras se referem à tentativa de aumento da eficiência aerodinâmica, a última visa melhorar a refrigeração dos freios.

▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Aston Martin caiu para o terceiro lugar no Mundial de Construtores e vai atualizar algumas partes do carro (Foto: AFP)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

A McLaren, também por questões relacionadas à aerodinâmica do MCL60, leva melhorias na parte traseira, tanto na asa quanto na asa de feixe — que fica próxima ao difusor. A Alfa Romeo, também preocupada com a refrigeração, vai a Montreal com um sistema redesenhado nos dutos de freio traseiros.

A Aston Martin, após ouvir alguns pedidos de Fernando Alonso, também chega ao GP do Canadá com atualizações. O time britânico alterou a cobertura do motor e suas barbatanas, além do assoalho — que trouxe muitos problemas na última etapa, na Espanha.

A Haas também alterou parte do sistema de refrigeração do motor, a asa traseira e o assoalho. A AlphaTauri, por outro lado, vai à oitava etapa da temporada com uma atualização na asa dianteira.

Por fim, a Williams. Disparadamente a equipe que mais trocou peças, o time de Grove levará grandes atualizações ao Canadá e vai mudar assoalho, sidepod, espelhos retrovisores, halo, suspensão traseira, dutos de freio traseiros e as placas externas da asa traseira.

GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do fim de semana da Fórmula 1 no Canadá AO VIVO e EM TEMPO REAL. No sábado e no domingo, há também a segunda tela, em parceria com a Voz do Esporte.