Mercedes justifica posições baixas no TL2 da Hungria por economia de pneus

Andrew Shovlin não quis levar muito em conta o desempenho abaixo da Mercedes no TL2 da Hungria, justificando com economia de pneus focando no sábado de classificação

Diretor de engenharia de pista da Mercedes, Andrew Shovlin deu justificativas para o desempenho pouco chamativo do time na sexta-feira (21) de treinos livres do GP da Hungria. O time viu Lewis Hamilton em 16º e George Russell na 20ª e última colocação na tabela após o treino livre 2.

Em entrevista à emissora inglesa Sky Sports, Shovlin explicou que o TL1, que teve Russell na liderança, foi praticamente descartado por conta da chuva que caiu no Hungaroring. Para o TL2, o foco foi de economia de pneus por conta do novo formato de classificação, e o time quer demonstrar maior potencial no sábado.

Relacionadas

"O TL1 não foi muito útil devido a bandeira vermelha e a chegada da chuva. Usamos um conjunto usado de pneus médios na segunda sessão, fizemos um trabalho com menos combustível, mas focado nos longos stints. A maioria das equipes usou um segundo conjunto de pneus hoje, algo que não fizemos. É a principal razão por não aparecermos altos na tabela. O benefício virá no aprendizado para a classificação, onde teremos dois jogos novos para o TL3", declarou Andrew.

:seta_para_frente: Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
:seta_para_frente: Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Lewis Hamilton (Foto: AFP)

Apesar de minimizar o resultado do treino livre 2, Shovlin confirmou que o W14 ainda precisa de evolução no equilíbrio, e espera um grid apertado na classificação. A Mercedes, inclusive, é a atual polesitter do GP da Hungria, com George Russell largando na ponta em 2022.

"Tem muito trabalho a ser feito no equilíbrio do carro, seja em volta lançada ou stint longo, o que é útil já que o grid parece bem apertado. Também teremos o desafio de diferentes compostos em cada segmento da classificação, significando que voltas frias precisam ser ajustadas. Vamos rever os dados durante a noite e veremos o que podemos fazer amanhã", concluiu.

GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e EM TEMPO REAL todas as atividades do GP da Hungria de Fórmula 1. No sábado, o TL3 está marcado para as 7h30 (de Brasília, GMT-3), seguido pela classificação, marcada para as 11h. A largada fica para as 10h do domingo.