Fórmula 1 encara sábado de calor na Hungria, mas ainda com chance de chuva

A temperatura varia entre os 24°C e os 27°C durante as atividades da Fórmula 1 neste sábado, na Hungria, mas a ameaça de chuva ainda é real sobre Hungaroring

A Fórmula 1 realiza neste sábado (22), em Hungaroring, o terceiro e último treino livre para o GP da Hungria e também a classificação que vai definir o grid de largada da corrida — essa em formato novo, com jogos de pneus específicos para cada parte. Depois de uma sexta-feira em parte comprometida pela forte chuva que caiu sobre o circuito durante o TL1, os pilotos também encaram a ameaça de pista molhada para a classificação.

Às 12h30 locais (7h30 de Brasília, GMT-3) em Budapeste, os pilotos partem para o TL3 com os termômetros em 24°C e sensação térmica de 25°C. A umidade relativa do ar fica em 59%, com ventos de 11 km/h e rajadas atingindo os 17 km/h.

Relacionadas

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Lewis Hamilton na Hungria (Foto: AFP)

No final da tarde húngara, às 16h locais (11h de Brasília), a temperatura sobe um pouco e chega aos 27°C, com a sensação térmica se mantendo na mesma casa. A umidade cai um pouco para 42%, mas os ventos aumentam bastante: 13 km/h de velocidade média, porém com rajadas podendo atingir os 28 km/h.

A probabilidade de chuva varia entre 49% e 61% ao longo das atividades do dia, mas a meteorologia já emitiu sinal de alerta para tempestades durante a madrugada. As informações são do serviço de meteorologia AccuWeather.

GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e EM TEMPO REAL todas as atividades do GP da Hungria de Fórmula 1.