Alonso fala em "corrida muito intensa" na Holanda e destaca: "Carro estava voando"

Fernando Alonso voltou ao pódio após quatro provas e conseguiu ampliar a diferença para Lewis Hamilton no Mundial de Pilotos

Fernando Alonso chegou novamente ao pódio na temporada 2023 da Fórmula 1, neste domingo (27), no GP da Holanda, nos Países Baixos. Após uma fase com corridas mais discretas, o bicampeão mundial aproveitou as condições caóticas do clima em Zandvoort para conquistar a segunda posição. O espanhol, após a prova, louvou o AMR23 e a torcida local.

O #14 não chegava entre os três primeiros desde o GP do Canadá, e, portanto, quebrou um jejum de quatro provas. A segunda posição também o ajudou a aumentar a distância na terceira posição do Mundial de Pilotos, abrindo 12 de diferença para Lewis Hamilton.

Relacionadas

"Foi uma corrida muito intensa, obviamente com a pista molhada éramos rápidos. Nessas condições, você precisa de um carro em que possa confiar e, felizmente, tinha isso hoje. O carro estava voando, muito competitivo, fácil de guiar”, celebrou Alonso.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Alonso conseguiu abrir um pouco mais de vantagem na terceira posição do Mundial de Pilotos (Foto: Aston Martin)

Além de tecer elogios ao carro entregue pela Aston Martin hoje, Alonso também cumprimentou seus companheiros no pódio, Max Verstappen, vencedor da prova neerlandesa, e Pierre Gasly, que alcançou a terceira posição após punição para Sergio Pérez.

“É muito bom dividir o pódio com Max e Pierre. Acho que este é um autódromo muito especial e quando voltou ao calendário, há dois anos, eu não esperava chegar entre os três primeiros", admitiu. "Ainda tentei fazer algum movimento para ultrapassar na última relargada [hoje], mas não foi possível. Parabéns ao Max e a todos”, completou.

Fórmula 1 retorna na semana que vem, entre os dias 1 e 3 de setembro, com o GP da Itália, em Monza, 14ª etapa da temporada 2023.