Drugovich impressiona Williams mais que Schumacher e duela com Sargeant por F1 2024

Williams avalia que Felipe Drugovich foi melhor que Mick Schumacher em testes durante 2023. Agora, luta é com o incumbente Logan Sargeant e envolve dinheiro

Enquanto a Fórmula 1 se agrupa no Japão para a corrida do fim de semana, mais informações surgem sobre o dilema e os planos da Williams para a vaga que ainda tem aberta no grid da temporada 2024. Felipe Drugovich é o desafiante ao incumbente Logan Sargeant após superar Mick Schumacher nas avaliações do time inglês.

Schumacher era um nome tratado como importante na dança das cadeiras da F1 para o ano que vem. Após passar os últimos dois anos como titular da Haas, Mick perdeu a vaga e imediatamente se tornou reserva da Mercedes. Toto Wolff, diretor-executivo da equipe anglo-alemã, prometeu fazer o possível para ajudá-lo a encontrar vaga no grid o mais rápido possível.

Relacionadas

:seta_para_frente: Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
:seta_para_frente:Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Mick Schumacher andou com o W14 em teste de pneus em Barcelona nesta quarta-feira (07) (Foto: Mercedes/Divulgação)
Com portas fechadas na Fórmula 1, Schumacher analisa novas possibilidades (Foto: Mercedes/Divulgação)

De acordo com o portal alemão F1-Insider, foi exatamente o que Wolff fez ao redor da F1, mas sobretudo com a Williams, que conta com James Vowles, ex-#2 na cadeia de comando da Mercedes, como chefe. Wolff tentou e submeteu a Vowles todos os dados dos testes avaliados como positivos de Mick no simulador.

Só que a Williams ficou mais impressionada como o trabalho de Drugovich em situações como o treino livre para o GP da Itália, em Monza, quando substituiu Lance Stroll. Assim, apesar do esforço da Mercedes, Drugovich é o nome a ser observado em vez de Schumacher, que já visa seguir como reserva na F1 e titular da Alpine no WEC.

Há, contudo, a necessidade que Felipe aporte uma quantia financeira bastante representativa por meio dos patrocinadores. De acordo com o veículo, o número está em € 15 milhões (cerca de R$ 78 milhões, na cotação do dia).

Logan Sargeant viu vaga ser ameaçada após acidentes em série (Foto: Williams)

De qualquer forma, a Williams ainda não bateu o martelo sobre a demissão de Sargeant. Afinal, sabia, quando contratou, que se tratava de um piloto em formação. Mesmo com as dificuldades iniciais, a equipe caminhava para renovar o contrato para 2024, mas passou e considerar alternativas conforme Logan iniciou uma sequência de acidentes. Como em Singapura, por exemplo, rendendo importante prejuízo para uma companhia que sabidamente não nada em dinheiro.

Sargeant ainda é o piloto em 2023 e tem a chance de provar que merece a vaga para 2024, sobretudo porque ainda conta com duas corridas no país de origem, e marcado cada vez mais importante para a F1, os Estados Unidos. A primeira das etapas está marcada para 22 de outubro, em Austin, com o GP de Las Vegas pouco menos de um mês depois.

A Williams gostaria de esperar as duas corridas para bater o martelo, mas sabe que o tempo é curto. Mesmo assim, não definirá a vida de Sargeant antes de Austin.

Piastri FICA, Drugovich RESPIRA e Tsunoda x Lawson GANHA VIDA na F1 | TT GP #114