Fórmula 1 renova contrato e mantém GP da Hungria no calendário até 2032

O GP da Hungria em Hungaroring está no calendário da Fórmula 1 desde 1986 e conta com Lewis Hamilton como seu maior vencedor

O GP da Hungria vai permanecer no calendário da Fórmula 1 até pelo menos 2032, de acordo com o anúncio feito neste sábado (22), às vésperas da corrida em Budapeste. A maior categoria do esporte afirmou, em comunicado, que a renovação do acordo é resultado do compromisso do país em uma reforma significativa do Hungaroring, incluindo um novo prédio de boxes e arquibancada principal.

A Hungria faz parte do campeonato mundial desde 1986, com o circuito a cerca de 20 km de Budapeste. O maior vencedor da prova é o heptacampeão mundial Lewis Hamilton que triunfou no Hungaroring oito vezes. A prova é atualmente a segunda com mais participações seguidas no calendário da F1, somente atrás do GP da Itália, em Monza.

Relacionadas

Mais de 300 mil fãs são esperados para assistir à corrida deste fim de semana, contra 290 mil no ano passado. "É uma ótima notícia anunciar a renovação do GP da Hungria por mais cinco anos, à medida que retornamos para mais um fim de semana repleto de ação no Hungaroring. É um circuito muito especial ao lado da incrível cidade de Budapeste e que todos os pilotos e nossos fãs esperam ansiosamente no calendário”, disse o CEO da F1, Stefano Domenicali.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

"Ver o compromisso dos promotores húngaros em atualizar as instalações e melhorar ainda mais a experiência para os fãs é outro passo importante e algo que queremos ver todos os nossos eventos fazendo para continuar a tornar nossas corridas ainda melhores”, completou o dirigente italiano. 

O presidente e CEO do Hungaroring, Zsolt Gyulay, ainda falou que as reformas do circuito devem ser terminadas até o próximo ano e expressou o contentamento com a renovação do contrato. "Dado o aumento estonteante da popularidade global da F1, que agora vê mais locais do que nunca competindo para se juntar ao calendário, a assinatura de hoje marca uma conquista extremamente significativa para nós", afirmou.

"As atualizações do nosso famoso circuito - que incluem reformas em nosso paddock, Arquibancada Principal e Zonas de Espectadores - devem ser concluídas até 2026. Será uma fonte de grande satisfação receber as equipes e os fãs, que sempre serão nossa principal prioridade, em um local de classe mundial que refletirá os altos padrões que você espera para um fim de semana de corrida de F1”, finalizou.

Fórmula 1 retorna neste domingo (23) para a disputa do GP da Hungria, com largada prevista para as 10h (de Brasília, GMT-3). O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades da temporada 2023 AO VIVO e em TEMPO REAL. Antes, a partir das 9h40, o GP abre a transmissão em segunda tela no canal 1 do YouTube, em parceria com a Voz do Esporte.