Sainz vê Ferrari "perto de rivais habituais" no Japão em dia de Red Bull "muito forte de novo"

Na opinião de Carlos Sainz, a sexta-feira (22) em Suzuka foi como inúmeras outras na Fórmula 1 2023: Max Verstappen imbatível e briga mais acirrada pelo posto de segunda força

Único a conseguir interromper o atual domínio da Red Bull e, consequentemente, de Max Verstappen na Fórmula 1 2023, Carlos Sainz deixou a sexta-feira (22) de treinos livres em Suzuka com a sensação de filme repetido. Sem fôlego para brigar de igual para igual contra o holandês, Sainz perdeu o duelo interno para Charles Leclerc e ainda viu Lando Norris superá-lo no TL2, terminando em quarto, mas o resultado também indica que, de Verstappen para trás, o grid ainda está bastante acirrado.

A análise foi feita logo após a sessão de sexta-feira, com Sainz falando aos jornalistas que a temporada voltou ao status visto antes de Singapura, com a Red Bull muito mais à frente do restante do grid. Já Ferrari, McLaren, Aston Martin e Mercedes permanecem equilibradas.

Relacionadas

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Carlos Sainz foi o único até aqui a quebrar a hegemonia de Verstappen na F1 (Foto: AFP)

"Parece que estamos muito próximos dos nosso rivais habituais, mas voltamos ao cenário de corridas atrás, com uma Red Bull muito forte", reconheceu Sainz, explicando que o dia foi voltado em buscar o melhor acerto para o clássico e desafiador circuito japonês.

"Tentamos refinar o acerto do carro e experimentamos diferentes ajustes para achar o adequado para este circuito", continuou. "Temos muitos dados para analisar, então vamos decidir à noite como andaremos amanhã [na classificação], buscando colocar o carro na janela certa de desempenho", concluiu Sainz.

Fórmula 1 retorna no final da noite de sexta-feira (22), às 23h30 (de Brasília, GMT-3), para a disputa do terceiro treino livre válido para o GP do Japão. Depois, na madrugada de sábado, às 3h, acontece a sessão que define o grid de largada da corrida em Suzuka. O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades AO VIVO e em TEMPO REAL. No sábado e no domingo, classificação e corrida também contam com transmissão em SEGUNDA TELA, NA GPTV, EM PARCERIA COM A VOZ DO ESPORTE.