Nissan anuncia Nato e confirma dupla com Fenestraz na Fórmula E em 2023

A Nissan confirmou as saídas de Maximilian Günther e Sébastien Buemi, e terá uma dupla totalmente renovada para 2023: Norman Nato e Sacha Fenestraz assumem os postos a partir do ano que vem

ADEUS DA MERCEDES E MERCADO DE PILOTOS: FÓRMULA E FERVE NAS FÉRIAS

A Nissan aproveitou a manhã desta terça-feira (23) para anunciar sua dupla completa de pilotos para a temporada 2022/2023 da Fórmula E. E se o nome de Sacha Fenestraz já era esperado entre as confirmações, a novidade ficou por conta de Norman Nato, que já negociava com a equipe desde julho e retornará ao grid da categoria em 2023 após um ano de hiato. Eles substituem Maximilian Günther, que não chegou a um acordo com a equipe, e Sébastien Buemi, de saída para a Envision.

Nato já disputou 17 corridas da Fórmula E em sua carreira, com uma vitória conquistada: levou a Venturi ao topo do pódio em Berlim na temporada 2020/2021. O piloto de 30 anos se concentrou na disputa do WEC em 2022, e soma participações importantes em categorias de acesso, como a F-Renault 3.5 e a F2.

“Eu estou muito feliz de estar fazendo meu retorno como titular na Fórmula E com a Nissan”, comemorou Nato em sua apresentação. “A Era Gen3 será um novo capítulo para o campeonato, e estou animado em me preparar para testar o carro. O trabalho duro começa agora — eu tenho muito a aprender e áreas para desenvolver com a equipe para estar no meu melhor na primeira etapa da temporada 9, no México”, finalizou.

▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Buemi vai se transferir para a Envision, e a Nissan fez questão de se despedir do suíço (Arte: Nissan)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Curiosamente, tanto Nato quanto Fenestraz participaram da etapa de encerramento da Fórmula E em 2022 — e nenhum deles pela Nissan. Enquanto o primeiro substituiu o machucado Sam Bird — que quebrou a mão em Londres — na Jaguar, o segundo foi responsável por tomar o assento de Antonio Giovinazzi — também por lesão, essa não explicada — na Dragon.

Apesar de ter tido participações importantes em campeonatos europeus, a carreira de Fenestraz tem se concentrado majoritariamente no Japão nos últimos anos. O piloto francês se encontra na liderança da Super GT em 2022, além de brigar pelo título também na Super Fórmula — é o segundo colocado, a duas corridas do fim. Em 2023, fará seu primeiro ano como titular na Fórmula E.

“É um sonho se tornando realidade”, comemorou Fenestraz. “Será um grande passo à frente em minha carreira, ir para um campeonato mundial pela primeira vez e competir em um nível tão alto contra alguns dos melhores pilotos do mundo. Será um desafio diferente para mim, pois será minha primeira temporada em um carro completamente elétrico”, afirmou.

“Estou animado em disputar esse campeonato, já que circuitos de rua são meus favoritos, com altos riscos e sem espaços para erros”, ressaltou. “Como um novato em um novo formato, preciso de muita preparação e tenho muito a aprender. Estive sonhando com esse momento por muito tempo, e estou muito grato à Nissan por essa oportunidade. Mal posso esperar para começar e fazer de tudo para ser o melhor possível”, encerrou.

O post Nissan anuncia Nato e confirma dupla com Fenestraz na Fórmula E em 2023 apareceu primeiro em Grande Prêmio.